• BragaHabit

BragaHabit no Projeto Global Goals for Cities

Carlos Videira, Administrador Executivo da BragaHabit, representou a cidade de Braga na reunião transnacional do projeto Global Goals for Cities.


O que é a Global Goals for Cities.

Global Goals for Cities é uma rede piloto e uma parceria estratégica destinada a acelerar o progresso no sentido de alcançar os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável em 19 cidades da UE, através da aprendizagem entre pares e do planeamento de ações integrado.


O projeto faz parte da rede URBACT, um programa de intercâmbio europeu que ajuda as cidades a desenvolver soluções pragmáticas que sejam novas e sustentáveis ​​e que integrem temas urbanos econômicos, sociais e ambientais.


Reunião transnacional do projeto Global Goals for Cities.

A reunião, onde participou Carlos Videira, Administrador Executivo da BragaHabit, decorreu em Solingen, na Alemanha, entre os dias 6 e 8 de abril de. 2022.


O encontro juntou 23 convidados internacionais, provenientes de 14 das 19 cidades que fazem parte do projeto.


A parceria é financiada através do programa de Cooperação Territorial Europeia URBACT III do Fundo Europeu de Desenvolvimento Regional e apresenta um formato inovador e experimental, quer pela dimensão da rede em termos de cidades participantes, quer do ponto de vista da metodologia e objetivos a atingir.


Sob o lema Preparing for implementation – governance, partnerships, and policy coherence, a reunião teve como foco o planeamento de ações no sentido de garantir a participação dos cidadãos na definição de políticas públicas.



BragaHabit apresenta o projeto Assembleia de Moradores.

Sendo o propósito primeiro desta iniciativa a partilha de melhores práticas entre pares, a Bragahabit apresentou o projeto Assembleia de Moradores como um exemplo bem-sucedido de uma iniciativa que pretende envolver os agentes da comunidade local na identificação de problemas e respetivas soluções, bem como nos processos de decisão.


Carlos Videira, Administrador Executivo da BragaHabit, demonstrou ainda os resultados que Braga tem alcançado com a mobilização dos vários grupos locais que se têm debruçado sobre a temática da sustentabilidade. Além disso, falou sobre os conselhos municipais, de caráter consultivo, como o Conselho Municipal de Habitação, ainda em processo de constituição. Este órgão executivo pretende juntar representantes dos moradores, empresas, instituições de solidariedade social, personalidades independentes e representantes das forças políticas com assento na Assembleia Municipal, entre outros, para refletir e tomar decisões conjuntas sobre as políticas de habitação da cidade.


A crise na Ucrânia e os ODS

A crise na Ucrânia e a possibilidade da criação de redes europeias de ajuda e apoio também foram temas deste encontro.

E, naturalmente, a elaboração e implementação de planos de ação locais para a implementação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).


Os ODS, também conhecidos como Objetivos Globais, foram adotados pelas Nações Unidas em 2015 como um apelo universal à ação para:

· acabar com a pobreza,

· proteger o planeta,

e garantir que até 2030 todas as pessoas desfrutem de paz e prosperidade.



Saiba mais sobre o projeto da Assembleia de Moradores aqui.

3 visualizações